O pleonasmo é caracterizado pela repetição e redundância de ideias na transmissão de uma mensagem, ocorrendo um uso excessivo de palavras. Quando a repetição de palavras é desnecessária, ocorre um pleonasmo vicioso, que é um vício de linguagem.

Embora alguns pleonasmos viciosos sejam inaceitáveis, a maior parte deles é de uso frequente pela maioria dos falantes. Ocorrem por hábito, falta de atenção ou pouco conhecimento do significado das palavras.

Pleonasmos mais comuns

  • Entrar para dentro;
  • Sair para fora;
  • Descer para baixo;
  • Subir para cima;
  • Adiar para depois;
  • Antecipar para antes;
  • Certeza absoluta;
  • Conclusão final;
  • Consenso geral;
  • Panorama geral;
  • Acabamento final;
  • Últimos acabamentos;
  • Regra geral;
  • Outra alternativa; 
  • Surpresa inesperada;
  • Pequenos detalhes;
  • Monopólio exclusivo;
  • Protagonista principal;
  • Elo de ligação;
  • Baseado em fatos reais;
  • Fato verídico;
  • Propriedade característica;
  • Escolha opcional;
  • Verdade verdadeira;
  • Sentidos pêsames;
  • Há muitos anos atrás;
  • Sorriso nos lábios;
  • Novidade inédita;
  • Dupla de dois;
  • Duas metades iguais;
  • Habitat natural;
  • Si mesmo;
  • Agora já;
  • Junto com;
  • Juntamente com;
  • Já não há mais;
  • Todos foram unânimes;
  • Na minha opinião pessoal;
  • Repetir de novo;
  • Seguir em frente;
  • Encarar de frente;
  • Comparecer pessoalmente;
  • Gritar alto;
  • Anexar junto;
  • Viver a vida;
  • Voltar atrás;
  • Arder em chamas;
  • Ganhar grátis;
  • Dar de graça;
  • Manter o mesmo;
  • Introduzir dentro;
  • Retornar de novo;
  • Ver com os próprios olhos;
  • Inaugurar novo;
  • Preparar de antemão; 
  • Decapitar a cabeça;
  • Pisar com os pés;
  • Planejar antecipadamente;
  • Sonhar um sonho;
  • Conviver junto;
  • Continuar ainda;
  • Prevenir antes;
  • Prever antecipadamente; 
  • Preferir mais;    
  • Abusar demais;
  • Hemorragia de sangue;
  • Hepatite do fígado;
  • Infarto do coração;
  • Maluco da cabeça;
  • Demente mental;
  • Labaredas de fogo;
  • Cego dos olhos;
  • Surdo do ouvido;
  • Abertura inaugural;
  • Bonita caligrafia;
  • Pessoa humana;
  • Viúva do falecido;
  • Limite extremo;
  • Empréstimo temporário;
  • Sintomas indicativos;
  • Nova criação;
  • Última versão definitiva;
  • Um mês de mensalidade;
  • Planos para o futuro;
  • Própria autobiografia;
  • A seu critério pessoal;
  • De sua livre escolha;
  • Eu digo-te isto a ti;
  • Amanhecer o dia;
  • Brisa matinal da manhã;
  • Canja de galinha;
  • Estrelas do céu.

Saiba mais sobre pleonasmo e sobre outros vícios de linguagem.

Atualizado em
Flávia Neves
Flávia Neves
Professora de português, revisora e lexicógrafa nascida no Rio de Janeiro e licenciada pela Escola Superior de Educação do Porto, em Portugal (2005). Atua nas áreas da Didática e da Pedagogia.