Tipos de pronomes

Pronomes são palavras que substituem ou determinam os substantivos. Existem vários tipos de pronomes: pronomes pessoais, pronomes possessivos, pronomes demonstrativos, pronomes interrogativos, pronomes relativos e pronomes indefinidos. Além desta classificação principal, os pronomes também podem ser classificados em pronomes adjetivos e pronomes substantivos.

Pronomes pessoais

Os pronomes pessoais subdividem-se em pronomes pessoais do caso reto, pronomes pessoais oblíquos e pronomes pessoais de tratamento.

Pronomes pessoais do caso reto são aqueles que substituem os substantivos e indicam as pessoas do discurso, assumindo maioritariamente a função de sujeito da oração.

  • Eu fui ao cinema.
  • Ele gosta de futebol.

Exemplos de pronomes pessoais do caso reto: eu, tu, ele, ela, nós, vós, eles, elas.

Veja também: Uso dos pronomes pessoais do caso reto.

Pronomes pessoais oblíquos podem ser tônicos ou átonos. Quando tônicos, são sempre precedidos de uma preposição e substituem um substantivo que tem função de objeto indireto. Quando átonos, não são precedidos de uma preposição e podem substituir um substantivo que tem função de objeto direto ou de objeto indireto.

  • Pedro gosto de mim.
  • Eu encontrei-o na praia.

Exemplos de pronomes pessoais oblíquos tônicos: mim, comigo, ti, contigo, ele, ela, nós, conosco, vós, convosco, eles, elas.

Exemplos de pronomes pessoais oblíquos átonos: me, te, o, a, lhe, nos, vos, os, as, lhes.

Veja também: Uso dos pronomes pessoais oblíquos.

Pronomes de tratamento são formas mais corteses e reverentes de nos dirigirmos à pessoa com quem estamos falando ou de quem estamos falando.

  • Vossa Excelência estará presente na cerimônia de abertura?
  • Sua Eminência estará presente no conclave?

Exemplos de pronomes de tratamento: você, senhor, senhora, senhorita, Vossa Senhoria, Vossa Excelência, Vossa Eminência, Vossa Santidade, Vossa Reverendíssima, Vossa Alteza, Vossa Majestade, Vossa Magnificência, Vossa Paternidade, Vossa Majestade Imperial, Vossa Onipotência.

Veja também: Uso dos pronomes de tratamento

Pronomes possessivos

Pronomes possessivos transmitem, principalmente, uma relação de posse, ou seja, indicam que alguma coisa pertence a uma das pessoas do discurso.

  • Não sei onde pus minhas chaves.
  • Você pode me emprestar sua caneta, por favor?

Exemplos de pronomes possessivos: meu, minha, meus, minhas, teu, tua, teus, tuas, seu, sua, seus, suas, nosso, nossa, nossos, nossas, vosso, vossa, vossos, vossas, seu, sua, seus, suas.

Veja também: Uso dos pronomes possessivos.

Pronomes demonstrativos

Pronomes demonstrativos situam alguém ou alguma coisa no tempo, no espaço e no discurso, em relação às próprias pessoas do discurso: quem fala, com quem se fala, de quem se fala. Estes pronomes contraem-se com as preposições a, em e de.

  • De quem é aquela mochila?
  • Veja esta reportagem.

Exemplos de pronomes demonstrativos: este, esta, estes, estas, isto, esse, essa, esses, essas, isso, aquele, aquela, aqueles, aquelas, aquilo.

Exemplos de outras palavras que atuam como pronomes demonstrativos: o, a, os, as, mesmo, mesma, mesmos, mesmas, próprio, própria, próprios, próprias, tal, tais, semelhante, semelhantes.

Veja também: Uso dos pronomes demonstrativos.

Pronomes interrogativos

Pronomes interrogativos referem-se sempre à 3.ª pessoa gramatical e são utilizados para interrogar, ou seja, para formular perguntas de modo direto ou indireto.

  • Quem chegou?
  • Diga-me, por favor,que horas são.

Exemplos de pronomes interrogativos: que, quem, qual, quais, quanto, quanta, quantos, quantas.

Veja também: Uso dos pronomes interrogativos.

Pronomes relativos

Pronomes relativos relacionam-se sempre com o termo da oração que está antecedente, servindo de elo de subordinação das orações que iniciam.

  • Eu comprei o vestido azulqueestava na vitrine.
  • A casa onde cresci era enorme.

Exemplos de pronomes relativos: que, quem, onde, o qual, a qual, os quais, as quais, cujo, cuja, cujos, cujas, quanto, quanta, quantos, quantas.

Veja também: Uso dos pronomes relativos.

Pronomes indefinidos

Pronomes indefinidos referem-se sempre à 3.ª pessoa gramatical, indicando que algo ou alguém é considerado de forma indeterminada e imprecisa.

  • Foi apresentada alguma justificativa para o atraso na entrega da mercadoria?
  • Ninguém se quer responsabilizar por esta tarefa.

Exemplos de pronomes indefinidos: alguém, ninguém, outrem, tudo, nada, cada, algo, algum, algumas, nenhuns, nenhuma, todo, todos, outra, outras, muito, muita, pouco, poucos, certo, certa, vários, várias, tanto, tantos, quanta, quantas, qualquer, quaisquer, bastante, bastantes.

Veja também: Uso dos pronomes indefinidos.

Pronomes adjetivos e pronomes substantivos

Conforme acompanham ou substituem os substantivos, os pronomes são classificados em pronomes adjetivos e pronomes substantivos.

Pronomes adjetivos acompanham os substantivos, como se fossem adjetivos, determinando e modificando o substantivo.

  • Minha irmã é bióloga.
  • Aqueles alunos são indisciplinados.

Veja também: Uso dos pronomes adjetivos.

Pronomes substantivos substituem o substantivo numa frase.

  • Esse é meu.
  • Ela viu-o.

Veja também: Uso dos pronomes substantivos.

Veja também