Existe flexão verbal em número, pessoa, modo, tempo, aspecto e voz.

Flexão em númeroSingular;
Plural.
Flexão em pessoa1.ª pessoa;
2.ª pessoa;
3.ª pessoa.
Flexão em modoModo indicativo;
Modo subjuntivo;
Modo imperativo.
Flexão em tempoTempos no passado;
Tempos no presente;
Tempos no futuro.
Flexão em vozVoz ativa;
Voz passiva;
Voz reflexiva.
Flexão em aspectoAspecto perfectivo e imperfectivo;
Aspecto pontual e durativo;
Aspecto inceptivo, cursivo e terminativo;
Aspecto contínuo e descontínuo.

O que é a flexão verbal em número e pessoa?

Os verbos sofrem flexão em número e pessoa, podendo ser conjugados no singular ou no plural, bem como na 1.ª, na 2.ª ou na 3.ª pessoa do discurso.

Flexão em número:

  • Singular (um sujeito verbal);
  • Plural (vários sujeitos verbais).

Flexão em pessoa:

  • 1.ª pessoa (quem fala: eu e nós);
  • 2.ª pessoa (com quem se fala: tu e vós);
  • 3.ª pessoa (de quem se fala: ele e eles).

As pessoas do discurso, que servem de base para a conjugação verbal, são o resultado da junção da flexão em número e em pessoa.

Pessoas do discurso:
Eu – 1.ª pessoa do singular;
Tu – 2.ª pessoa do singular;
Ele – 3.ª pessoa do singular;
Nós – 1.ª pessoa do plural;
Vós – 2.ª pessoa do plural;
Eles – 3.ª pessoa do plural.

O que é a flexão verbal em modo?

Os verbos sofrem flexão em modo, podendo estar no modo indicativo, no modo subjuntivo ou no modo imperativo.

No modo indicativo, os verbos transmitem uma ação real, de forma precisa.
No modo subjuntivo, os verbos transmitem uma ação possível, de forma incerta.
No modo imperativo, os verbos transmitem uma ordem ou um pedido.

Exemplos de verbos no modo indicativo

  • Eu vou ao cinema com meu irmão e passo naquela loja.
  • Nós vimos o elefante no jardim zoológico.

Exemplos de verbos no modo subjuntivo

  • Quando eu for ao cinema com meu irmão, eu passo naquela loja.
  • Eu queria que nós víssemos o elefante no jardim zoológico.

Exemplos de verbos no modo imperativo

  • Vá ao cinema com seu irmão e passe naquela loja.
  • Vejam o elefante no jardim zoológico.

Saiba tudo sobre os modos verbais e os tempos verbais de cada modo.

O que é a flexão verbal em tempo?

Os verbos sofrem flexão em tempo, podendo indicar uma ação que decorreu no passado, uma ação que decorre no presente ou uma ação que decorrerá no futuro.

Tempos do presente:

  • Presente do indicativo (eu aprendo);
  • Presente do subjuntivo (que eu aprenda);

Tempos do passado:

  • Pretérito perfeito do indicativo (eu aprendi);
  • Pretérito imperfeito do indicativo (eu aprendia);
  • Pretérito mais-que-perfeito do indicativo (eu aprendera);
  • Pretérito perfeito composto do indicativo (eu tenho aprendido);
  • Pretérito mais-que-perfeito composto do indicativo (eu tinha aprendido);
  • Pretérito imperfeito do subjuntivo (se eu aprendesse);
  • Pretérito perfeito composto do subjuntivo (que eu tenha aprendido);
  • Pretérito mais-que-perfeito composto do subjuntivo (se eu tivesse aprendido).

Tempos do futuro:

  • Futuro do presente do indicativo (eu aprenderei);
  • Futuro do pretérito do indicativo (eu aprenderia);
  • Futuro do presente composto do indicativo (eu terei aprendido);
  • Futuro do pretérito composto do indicativo (eu teria aprendido);
  • Futuro do subjuntivo (quando eu aprender);
  • Futuro composto do subjuntivo (quando eu tiver aprendido).

Além dos tempos verbais acima referidos, existem os tempos verbais do modo imperativo e as formas nominais dos verbos.

Tempos verbais do modo imperativo:

  • Imperativo afirmativo (aprenda você);
  • Imperativo negativo (não aprenda você).

Formas nominais:

  • Particípio (aprendido);
  • Gerúndio (aprendendo);
  • Gerúndio composto (tendo aprendido);
  • Infinitivo pessoal (aprendermos);
  • Infinitivo impessoal (aprender);
  • Infinitivo pessoal composto (termos aprendido);
  • Infinitivo impessoal composto (ter aprendido);

Saiba tudo sobre os tempos verbais e a forma como são construídos.

O que é a flexão verbal em voz?

Os verbos sofrem flexão em voz, podendo estar na voz ativa, na voz passiva ou na voz reflexiva.

Na voz ativa, o sujeito gramatical é o agente da ação expressa pelo verbo.

  • A menina penteou as bonecas.
  • O açougueiro cortou a carne.

Na voz passiva, o sujeito gramatical é o paciente da ação expressa pelo verbo.

  • As bonecas foram penteadas pela menina.
  • A carne foi cortada pelo açougueiro.

Na voz reflexiva, o sujeito gramatical é ao mesmo tempo agente e paciente da ação expressa pelo verbo.

  • A menina penteou-se antes de sair de casa.
  • O açougueiro cortou-se ao cortar a carne.

Saiba tudo sobre as vozes verbais e a mudança da voz ativa para a voz passiva.

O que é a flexão verbal em aspecto?

Os verbos sofrem flexão em aspecto, podendo representar diferentes perspetivas das ações.

O aspecto verbal permite indicar:

  • uma ação completa (aspecto perfectivo);
  • uma ação incompleta (aspecto imperfectivo);
  • uma ação momentânea (aspecto pontual);
  • uma ação contínua (aspecto durativo);
  • o início da ação (aspecto inceptivo);
  • o desenvolvimento da ação (aspecto cursivo);
  • o fim da ação (aspecto terminativo);
  • uma ação continuada (aspecto contínuo);
  • uma ação interrompida (aspecto descontínuo).

Saiba tudo sobre o aspecto verbal e exemplos dos diferentes aspectos dos verbos.