A transitividade verbal se refere ao tipo de relação que um verbo transitivo estabelece com um complemento aquando da predicação verbal. 

Verbos transitivos

Um verbo transitivo é um verbo que apresenta um sentido incompleto sem a presença dos complementos verbais - o objeto direto e o objeto indireto. Assim, um verbo transitivo necessita, obrigatoriamente, de complementos verbais que completem o seu significado.

Os verbos transitivos subdividem-se em: verbos transitivos diretos, verbos transitivos indiretos e verbos transitivos diretos e indiretos. 

Os verbos transitivos diretos necessitam de um objeto direto.
Os verbos transitivos indiretos necessitam de um objeto indireto.
Os verbos transitivos diretos e indiretos necessitam tanto de um objeto direto como de um objeto indireto.

Essa classificação verbal deverá ser feita conforme o contexto em que ocorre o verbo, uma vez que o mesmo verbo pode apresentar diferente transitividade, conforme o significado expresso.

Verbos transitivos diretos

Num verbo transitivo direto, o objeto direto completa o significado do verbo respondendo, principalmente, às perguntas o quê? e quem?. Habitualmente, não são utilizadas preposições antes de um objeto direto.

Exemplos de verbos transitivos diretos

  • Verbo fazer: Fazer o quê? Fazer um bolo, exercícios, os deveres,... 
  • Verbo começar: Começar o quê? Começar o jogo, a história, o trabalho,...
  • Verbo cortar: Cortar o quê? Cortar o papel, a árvore, o cabelo,...
  • Verbo querer: Querer o quê? Querer uma vida melhor, um vestido novo, um amigo,...
  • Verbo abraçar: Abraçar quem? Abraçar a mãe, o filho, o irmão,...
  • Verbo conhecer: Conhecer quem? Conhecer o professor novo, o vizinho, o senhor,...

Análise sintática de frases com verbos transitivos diretos

O lenhador cortou a árvore.
Sujeito: o lenhador
Predicado: cortou a árvore
Verbo transitivo direto: cortou (o quê?)
Objeto direto: a árvore

A máquina destruiu os documentos.
Sujeito: a máquina
Predicado: destruiu os documentos
Verbo transitivo direto: destruiu (o quê?)
Objeto direto: os documentos

A mão ouviu o filho.
Sujeito: a mãe
Predicado: ouviu o filho
Verbo transitivo direto: ouviu (quem?)
Objeto direto: o filho

Verbos transitivos indiretos

Num verbo transitivo indireto, o objeto indireto completa o significado do verbo respondendo, principalmente, às perguntas de quê? para quê? de quem? para quem? em quem?. Habitualmente, são utilizadas preposições antes de um objeto indireto.

Exemplos de verbos transitivos indiretos

  • Verbo precisar: Precisar de quê? Precisar de dinheiro, de ajuda, de uma ideia,...
  • Verbo concordar: Concordar com o quê? Concordar com a opinião, com isso, com tudo,...
  • Verbo obedecer: Obedecer a quê? Obedecer às regras, às ordens, aos ensinamentos,...
  • Verbo acreditar: Acreditar em quem? Acreditar em você, em Deus, em ninguém,...
  • Verbo simpatizar: Simpatizar com quem? Simpatizar com ela, com o Caio, com você,...
  • Verbo duvidar: Duvidar de quê? Duvidar dessa história, de tudo, do que você disse,...

Análise sintática de frases com verbos transitivos indiretos

O filho desobedeceu ao pai.
Sujeito: o filho
Predicado: desobedeceu ao pai
Verbo transitivo indireto: desobedeceu (a quem?)
Objeto indireto: ao pai

Eu necessito de ajuda imediata.
Sujeito: eu
Predicado: necessito de ajuda imediata.
Verbo transitivo indireto: necessito (de quê?)
Objeto indireto: de ajuda imediata

A diretora conversou com o cliente.
Sujeito: a diretora
Predicado: conversou com o cliente
Verbo transitivo indireto: conversou (com quem?)
Objeto indireto: com o cliente

Verbos transitivos diretos e indiretos

Num verbo transitivo direto e indireto, tanto objeto direto como o objeto indireto completam o significado do verbo. Habitualmente, o objeto direto indica coisas e responde à pergunta o quê?, sem o auxílio de uma preposição, e o objeto indireto indica pessoas, respondendo às perguntas a quem? de quem? para quem? em quem?, com o auxílio de uma preposição.

Os verbos transitivos diretos e indiretos são também chamados de verbos bitransitivos. 

Exemplos de verbos transitivos diretos e indiretos

  • Verbo emprestar: Emprestar o quê? A quem? Emprestar o vestido à irmã, o livro ao amigo, o carro ao filho,...
  • Verbo comunicar: Comunicar o quê?  A quem? Comunicar o despedimento ao funcionário, o falecimento à família, a notícia a todos,...
  • Verbo agradecer: Agradecer o quê?  A quem? Agradecer o presente ao pai, a ajuda ao professor, a simpatia à funcionária,...
  • Verbo perdoar: Perdoar o quê? A quem? Perdoar os pecados aos fiéis, os erros ao filho, a má educação ao irmão,...

Análise sintática de frases com verbos transitivos diretos e indiretos

Você já pagou a conta ao funcionário?
Sujeito: você
Predicado: pagou a conta ao funcionário
Verbo transitivo direto e indireto: pagou (o quê? a quem?)
Objeto direto: a conta
Objeto indireto: ao funcionário

Ontem emprestei minha saia preferida à minha irmã.
Sujeito: eu (implícito)
Predicado: emprestei minha saia preferida à minha irmã.
Verbo transitivo direto e indireto: emprestei (o quê? a quem?)
Objeto direto: minha saia preferida
Objeto indireto: à minha irmã

Eles agradeceram a atenção à secretária.
Sujeito: eles
Predicado: agradeceram a atenção à secretária.
Verbo transitivo direto e indireto: agradeceram (o quê? a quem?)
Objeto direto: a atenção
Objeto indireto: à secretária

Verbos transitivos e verbos intransitivos

Além dos verbos transitivos, existem verbos que não requerem a presença de complementos verbais dado apresentarem significados completos, como o verbo viver, nascer, morrer, casar,... Esses verbos são chamados de verbos intransitivos.