O predicativo do objeto é o termo da oração que complementa e caracteriza o objeto direto, atribuindo-lhe uma qualidade. Embora mais raro, pode caracterizar também o objeto indireto. 

O predicativo do objeto é um dos termos integrantes da oração. Aparece apenas em predicados verbo-nominais, atuando como núcleo da parte nominal do predicado verbo-nominal.

Exemplos de predicativo do objeto direto

  • Nós consideramos esta funcionária dispensável.
  • Ontem vi minha vizinha muito preocupada.

Dispensável e muito preocupada caracterizam os termos funcionária e vizinha, que desempenham a função de objeto direto na oração.

Exemplos de predicativo do objeto indireto

  • Eu chamei-lhe de falsa.
  • Os alunos chamaram-lhe incompetente.

Falsa e incompetente caracterizam o pronome oblíquo lhe, que desempenha a função de objeto indireto na oração.

Como identificar o predicativo do objeto?

A função de predicativo do objeto pode ser desempenhada por um substantivo ou por um adjetivo (ou locução adjetiva).

Exemplo de adjetivo como predicativo do objeto

  • Ele a viu sorridente.
  • Todos acusaram-no de desmotivado

Exemplo de substantivo como predicativo do objeto

  • A direção elegeu-o presidente.
  • Todos chamam-lhe mãe.

Predicativo do objeto e predicativo do sujeito

Além do predicativo do objeto, existe também o predicativo do sujeito, que é o termo da oração que complementa e caracteriza o sujeito.

Predicativo do objeto: Eu considero aquele funcionário irresponsável.

Irresponsável é predicativo do objeto porque caracteriza a palavra funcionário que atua como objeto direto nesta oração.

Predicativo do sujeito: Aquele funcionário é irresponsável.

Irresponsável é predicativo do sujeito porque caracteriza a palavra funcionário que atua como sujeito nesta oração.

Saiba mais sobre o predicativo do sujeito.