Interjeições são estruturas linguística simples que não possuem função sintática e podem ser compreendidas isoladamente. São invariáveis e são formadas, principalmente, por sons vocálicos e palavras soltas.

Exemplos de interjeições

  • Eita!
  • Hã-hã!
  • Ai!
  • Ei!
  • Ufa!
  • Nossa!
  • Oxalá!
  • Francamente!

Interjeições formadas por sons vocálicos:
Ui!, Ah!, Uf!, Oh!, Ih!,…

Interjeições formadas por palavras soltas:
Credo!, Cruzes!, Atenção!, Bravo!, Rua!,…

Quando a interjeição é formada por um conjunto de palavras, é chamada de locução interjetiva: Ora bolas!, Ai de mim!, Quem me dera!,…

Uso de interjeições

Através de interjeições é possível exprimir emoções, sensações, estados de espírito,... São utilizadas maioritariamente em frases exclamativas e apelativas.

Sozinha, uma interjeição consegue transmitir o sentido de uma frase completa. O significado de uma interjeição depende do contexto onde ela é utilizada, bem como da entonação do falante.

Exemplos de uso de interjeições

  • Ui! O que aconteceu aqui?
  • Céus! Você quase caiu do muro!
  • Oh! Que lindo!
  • Vamos ganhar o primeiro prêmio. Tomara!
  • Viva! Tudo bem por aqui? 

Classificação das interjeições

As interjeições não possuem uma classificação rígida, visto serem polissêmicas, ou seja, uma interjeição possui diversos significados, expressando diversos sentimentos e sensações, conforme o contexto em que ocorre.

Interjeições de
alegria
 Oh!, Ah!, Oba!, Viva!, Opa!, Eta!, Eita!, Eh!,…
Interjeições de
estímulo
 Vamos!, Força!, Coragem!, Ânimo!, Adiante!, Avante!, Eia!, Força!,… 
Interjeições de
aprovação
 Apoiado!, Boa!, Bravo!, Parabéns!, Ótimo!, Isso!,…
Interjeições de
desejo
 Oh!, Tomara!, Oxalá!,…
Interjeições de
dor
 Ai!, Ui!, Ah!, Oh!,…
Interjeições de
surpresa
 Nossa!, Cruz!, Caramba!, Opa!, Virgem!, Vixe!, Oh!, Puxa!, Quê!, Ué!, Barbaridade!,…
Interjeições de
impaciência
 Diabo!, Puxa!, Pô!, Raios!, Ora!, Irra!, Hum!, Arre!,… 
Interjeições de
silêncio
 Psiu!, Silêncio!, Shh!, Basta!, Chega!,…
Interjeições de
alívio
 Uf!, Ufa! Ah!, Puxa!,…
Interjeições de
medo
 Credo!, Cruzes!, Uh!, Ui!, Oh!, Jesus!, Ai!,…
Interjeições de
advertência
 Cuidado!, Atenção!, Olha!, Alerta!, Sentido!, Fogo!, Calma!,…
Interjeições de
concordância
 Claro!, Tá!, Hã-hã!, Certo!, Ótimo!, Perfeito!,…  
Interjeições de
desaprovação
 Credo!, Francamente!, Xi!, Chega!, Basta!, Ora!, Droga!, Porcaria!, Bah!,… 
Interjeições de
incredulidade
 Hum!, Epa!, Ora!, Qual!, Ué!,…
Interjeições de
socorro
 Socorro!, Aqui!, Piedade!, Ajuda!, Acuda!,…
Interjeições de
cumprimentos
 Olá!, Alô!, Ei!, Tchau!, Adeus!, Até!, Inté!, Salve!, Ave!, Viva!,…
Interjeições de
afastamento
 Rua!, Xô!, Fora!, Passa!, Sai!, Arreda!,…
Interjeições de
agradecimento
 Obrigado!, Grato!, Valeu!,…
Interjeições de
desculpa
 Perdão!, Opa!, Desculpa!,… 

Locuções interjetivas

Uma locução interjetiva é um conjunto de duas ou mais palavras que atua como uma interjeição.

Exemplos de locuções interjetivas:

  • Puxa vida!
  • Quem me dera!
  • Cruz credo!
  • Virgem Maria!
  • Virgem Santa!
  • Valha-me Deus!
  • Muito bem!
  • Minha nossa!

Veja também: Mais exemplos de locuções interjetivas.

Flávia Neves
Flávia Neves
Professora de português, revisora e lexicógrafa nascida no Rio de Janeiro e licenciada pela Escola Superior de Educação do Porto, em Portugal (2005). Atua nas áreas da Didática e da Pedagogia.