Encontro vocálico é a sequência de sons vocálicos numa palavra. Estes sons vocálicos podem ser representados por uma vogal, por uma semivogal e até por uma consoante (como o m e o n). Nunca ocorre, contudo, o encontro de duas vogais numa mesma sílaba.

Exemplos: pai, ouvido, mão, amém, poeta, azia,…

Existem três tipos de encontros vocálicos: ditongo, tritongo e hiato.

Ditongo

Ocorre um ditongo quando há o encontro de uma semivogal e uma vogal na mesma sílaba. A vogal, sendo o núcleo da sílaba, tem um som mais forte e nítido. A semivogal, como acompanha a vogal, tem um som mais fraco e menos nítido.

Os ditongos podem ser:

  • decrescentes ou crescentes;
  • orais ou nasais.

Ditongo decrescente: Ocorre quando há um decrescimento sonoro, partindo do som mais forte de uma vogal para o som mais fraco de uma semivogal: vogal + semivogal.

Exemplos: pai, céu, muito, mais, caixa, flauta, mau, intuito, …

Ditongo crescente: Ocorre quando há um crescimento sonoro, partindo do som mais fraco de uma semivogal para o som mais forte de uma vogal: semivogal + vogal.

Exemplos: tranquilo, goela, qual, quadro, prêmio, miséria, água, quase, …

Ditongo oral: Ocorre quando o ar passa exclusivamente pela boca durante a pronúncia das vogais e semivogais: ai, ei, éi, au, eu, éu, iu, oi, ói, ui, ou, …

Exemplos: caixa, lei, pastéis, mau, meu, chapéu, riu, boi, herói, outro, tranquilo,…

Ditongo nasal: Ocorre quando o ar passa pela boca e pelo nariz durante a pronúncia das vogais e semivogais: ão, ãe, õe, am, an, em, en, …

Exemplos: mão, mamãe, põe, sem, frequência, cantam, …

Tritongo

Ocorre um tritongo quando há o encontro de uma semivogal, de uma vogal e de outra semivogal na mesma sílaba, seguindo sempre essa ordem: semivogal + vogal + semivogal.

Como os ditongos, os tritongos também podem ser orais (som passa apenas pela boca) ou nasais (som passa pela boca e pelo nariz):

Tritongo oral: Uruguai, Paraguai, enxaguei, iguais, quaisquer, aguei, …

Tritongo nasal: quão, saguões, enxaguem, águem, …

Hiato

Ocorre um hiato quando há o encontro de duas vogais numa palavra, mas que não se encontram na mesma sílaba e sim em sílabas diferentes.

Exemplos: sda, poesia, ptico, sde, cme, afiado, piada, ps, …


Fique sabendo mais!
Além de encontro vocálico, existe também encontro consonantal, ou seja, sequência de duas ou mais consoantes numa palavra, sem a existência de uma vogal intermediária.