Linguagem é um conceito usado com frequência no dia a dia: linguagem formal, linguagem informal, linguagem coloquial, linguagem gestual, linguagem de programação,…

O que é, afinal, a linguagem?

A linguagem pode ser definida como um conjunto de signos ou símbolos usados na comunicação, ou seja, na transmissão de uma mensagem. É a capacidade de expressar pensamentos, opiniões, ideias, experiências, sentimentos, desejos, informações,…

Tipos de linguagem

Existem dois tipos principais de linguagem. Uma linguagem que utiliza as palavras como veículo de comunicação e uma linguagem que não utiliza as palavras como meio de comunicação, recorrendo a diferentes elementos para estabelecer a comunicação, como sinais, imagens, sons, luzes,…

O primeiro tipo de linguagem é chamado de linguagem verbal, uma vez que apresenta verbalizações. O segundo tipo de linguagem é chamado de linguagem não verbal, uma vez que não recorre a verbalizações para transmitir uma mensagem.

A linguagem verbal é utilizada em:

  • cartas;
  • e-mails;
  • jornais;
  • revistas;
  • diálogos;
  • telefonemas;

A linguagem não verbal é utilizada em:

  • placas com sinais de trânsito;
  • luzes dos sinais de trânsito;
  • luzes das sirenes;
  • pinturas e desenhos;
  • apitos e buzinas;
  • cores das bandeiras da praia;

Veja também: Tipos de linguagem: linguagem verbal e não-verbal.

Linguagem e comunicação

Linguagem e comunicação são conceitos indissociáveis, não existindo um sem o outro. Para que haja comunicação, é impreterível que haja linguagem.

O processo de comunicação é formado por seis elementos essenciais:

  • emissor;
  • receptor;
  • mensagem;
  • canal;
  • código;
  • contexto.

Assim, para estabelecer comunicação, um emissor transmite uma mensagem a um destinatário, que é o receptor da mensagem. 

Por sua vez, essa mensagem apresenta um determinado conteúdo que está codificado num código específico que tem que ser conhecido pelos interlocutores do processo comunicativo, podendo ser verbal ou não verbal, bem como mais ou menos formal.

Além disso, a mensagem tem que ser transmitida por um canal igualmente acessível a todos os interlocutores, num determinado contexto, ou seja, na situação que envolve os interlocutores, como revista, rádio, celular, carta,…

Os seis elementos da comunicação estão diretamente relacionados com as funções da linguagem.

Funções da linguagem

As funções da linguagem são os diferentes recursos comunicativos utilizados na comunicação, conforme o objetivo do emissor naquele determinado momento. Com aquela mensagem pretenderá apenas informar algo ou pretenderá também expor seus sentimentos ou persuadir o receptor?

Existem seis funções da linguagem diferentes:

Função referencial ou denotativa: relacionada com o contexto comunicativo, tem como objetivo informar sobre um determinado assunto.

Função emotiva ou expressiva: relacionada com o emissor da mensagem, tem como objetivo transmitir as ideias e os sentimentos do emissor.

Função apelativa ou conativa: relacionada com o receptor da mensagem, tem como objetivo influenciar e persuadir o destinatário da comunicação.

Função poética: relacionada com a própria mensagem, tem como objetivo transmitir uma mensagem cuidada, estruturada, esteticamente bela.

Função fática: relacionada com o canal comunicativo, tem como objetivo manter funcional o canal de comunicação entre o emissor e o receptor, para haver continuidade da comunicação.

Função metalinguística: relacionada com o código comunicativo, tem como objetivo explicar esse próprio código.

Veja também: Onde usar e exemplos das funções da linguagem.
 

Flávia Neves
Professora de português, revisora e lexicógrafa nascida no Rio de Janeiro e licenciada pela Escola Superior de Educação do Porto, em Portugal (2005). Atua nas áreas da Didática e da Pedagogia.