A função poética é uma das seis funções da linguagem definidas pelo linguista Roman Jakobson. 

Segundo Jakobson, a linguagem possui seis funções distintas, conforme os diferentes objetivos comunicacionais que apresenta.

Isso ocorre porque a linguagem, enquanto conjunto de símbolos e signos usados na transmissão de uma mensagem, pode ser usada de diferentes formas, transmitindo mensagens igualmente diferentes.

O que é a função poética?

A função poética é usada para transmitir uma mensagem elaborada e cuidada, com palavras cuidadosamente selecionadas e uma estrutura formal estética.

Há uma preocupação em transmitir uma mensagem bela e inovadora, que fuja a expressões cotidianas, clichês, bordões,… Para tal, são usadas figuras de linguagem e é valorizado o sentido conotativo das palavras, bem como o seu ritmo, melodia e sonoridade.

Dando ênfase à própria mensagem, a função poética é usada maioritariamente na poesia. Além disso, é usada também na prosa e em outras formas de comunicação. Está presente em:

  • poemas;
  • obras literárias;
  • letras de músicas;
  • publicidade;
  • propaganda.

Exemplos de função poética

“Não creias, Lídia, que nenhum estio
Por nós perdido possa regressar
Oferecendo a flor
Que adiámos colher.

Cada dia te é dado uma só vez
E no redondo círculo da noite
Não existe piedade
Para aquele que hesita.

Mais tarde será tarde e já é tarde.
O tempo apaga tudo menos esse
Longo indelével rasto
Que o não-vivido deixa.

Não creias na demora em que te medes.
Jamais se detém Kronos cujo passo
Vai sempre mais à frente
Do que o teu próprio passo.”
Dual, Sophia de Mello Breyner Andresen

“A noite se antecipou. Os homens ainda não a esperavam quando ela desabou sobre a cidade em nuvens carregadas. Ainda não estavam acesas as luzes do cais, no “Farol das Estrelas” não brilhavam ainda as lâmpadas pobres que iluminavam os copos de cachaça, muitos saveiros ainda cortavam as águas do mar, quando o vento trouxe a noite de nuvens pretas.”
Mar Morto, Jorge Amado

Funções da linguagem

Além da função poética, existem mais cinco funções da linguagem:

  • função referencial ou denotativa:
  • função apelativa ou conativa;
  • função emotiva ou expressiva;
  • função metalinguística;
  • função fática.

Cada uma destas funções se relaciona com um dos elementos da comunicação: emissor, receptor, mensagem, canal, contexto e código. Possuem características diferentes e têm objetivos diferentes. 

Leia tudo sobre as diversas funções da linguagem.

Flávia Neves
Flávia Neves
Professora de português, revisora e lexicógrafa nascida no Rio de Janeiro e licenciada pela Escola Superior de Educação do Porto, em Portugal (2005). Atua nas áreas da Didática e da Pedagogia.